Como planejar uma cozinha?

Até há algum tempo, as cozinhas eram planejadas não só prevendo uma boa comunicação com acesso direto e distinto para a área de serviço, como também para a área social e íntima da casa. Atualmente, com o crescimento das cidades e a falta de espaço, a metragem dos ambientes reduziu e está mais difícil planejar uma casa confortável. Com essa escassez do espaço, a casa se abriu. O novo estilo de se viver é o “loft”, que unifica a sala de estar, de jantar e a cozinha em um ambiente único, uma forma de tornar o espaço mais amplo e agradável para se viver.

Para um bom planejamento de cozinha, o ideal é contratar um arquiteto que o oriente junto a empresas ou marceneiros especializados no assunto. A cozinha pode possuir diversas formas: em “U”, em “L”, paralela, quadrada, retangular, redonda, ser integrada à sala, ser grande ou pequena …

A seguir, seguem algumas prioridades para o seu planejamento:

* Se optar por uma cozinha fechada, que não se integre à sala, tudo bem. Mas lembre-se: deixe-a com a circulação livre para as áreas de serviço, social e íntima da casa;

* Se a sua casa possuir mais de um pavimento, para a sua comodidade e apoio, o bom será fazer a instalação de uma bancada que possua uma cuba, um mini cooktop e uma mini geladeira sob ela;

* Identifique as necessidades da sua cozinha: como é a rotina da sua casa, quantas pessoas irão frequentar a cozinha ao mesmo tempo, se você gosta de cozinhar muito ou pouco, se existem necessidades especiais para quem irá usá-la, a idade e a altura das pessoas;

* Faça diferentes plantas para obter o melhor layout e certifique-se de não atravancar a circulação e causar acidentes ou atropelamentos;

* Defina os eletrodomésticos necessários ao seu trabalho, gosto, tamanho da cozinha e execução das instalações hidráulicas e elétricas;

* Uma boa ventilação é necessária, mas cuide com a posição do fogão e evite correntes de ar para que ele não se apague facilmente, causando acidentes;

* Os exaustores jogam o ar para fora do ambiente, enquanto que os purificadores só filtram o ar devolvendo-o para o ambiente. Ambos têm o seu tamanho relacionado ao fogão escolhido (existem a gás e elétricos);

* Os fogões podem ser soltos, embutidos ou de sobrepor. Também possuem vários tipos de queimadores.

* As torneiras podem ser de parede ou de bancada. Os novos modelos possuem extensores.

* Não se esqueça do ponto de água para o purificador de água (filtro).

* As geladeiras que produzem gelo precisam de instalação de ponto de água atrás, na parede.

* Distribua tomadas suficientes para alimentar todos os equipamentos e outras funções.

* Para a boa visualização dos alimentos, faça uma iluminação geral com lâmpadas fluorescentes brancas, em calhas ou embutidas em sancas de gesso, e misturada com lâmpadas amarelas, em spots; faça uma iluminação na bancada de trabalho embutida no armário ou focada para esta. Se for possível, dê preferência à iluminação de led, que tem baixo consumo de energia, vida útil maior, baixo custo de manutenção e alta intensidade de luz. Isso evita o uso das lâmpadas fluorescentes, que são mais baratas, mas contêm mercúrio gasoso que apresenta perigo quando elas são descartadas.

* A cozinha é posicionada no lado oeste da casa. Com isso, se a incidência solar for muito grande, instale brises, pergolados, toldos ou plante árvores e arbustos para refrescar e amenizar.

* A decoração e os armários devem ser funcionais e ter manuseio fácil.

* Os materiais são diversos e tudo vai depender do estilo que você quer dar a sua cozinha. Hoje existem as mais diferentes cerâmicas, azulejos, fórmicas, pinturas, pastilhas, granito, porcelanato, silestone: todos fazem sucesso.

* No piso, use materias que não tenham muito rejunte e absorvam muita sujeira, dê preferência às opções antiderrapantes;

* Para a bancada, o material tem que ser resistente, principalmente na área do fogão e da cuba.

* Se você gosta de fazer massas caseiras e trabalhar com chocolate, é essencial ter uma peça ou bancada em mármore que facilite este trabalho.

* Verifique algum espaço na cozinha ou próximo a ela para servir como despensa de produtos, utensílios e louças.

Depois de planejada e pronta, será a cozinha dos seus sonhos. E, assim, mais uma vez, a cozinha mostrará como o seu papel é agregador tanto nas relações pessoais, sociais e espaciais.

Atualmente, a cozinha é o local da casa que espelha o estilo de vida de seu morador e revela o seu contexto familiar.

Espero que tenha ajudado e até o próximo encontro!

 

Bibliografias: Gurgel, Miriam. Projetando espaços. Editora SENAC SP, 2003 e Neufert. A arte de projetar em arquitetura. Editora GG, 1996.

Imagens: autora

 

Sheyla-Sanches-

Sheyla Sanches

É Arquiteta e adora cozinhas. Hedonista das formas, cores, texturas, cheiros e sabores criativos.

Página do autor
1 comentário
  1. Marcelo Silva Ramos

    Gostei das dicas, Sheylinha! Quando eu for planejar ou reformar uma cozinha, vou lembrar delas! bjs

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

×

Compartilhar artigo por e-mail

  • Compartilhe o artigo

  • Com quem você deseja compartilhar este artigo?

  • Separe múltiplos e-mails por vírgula.